Deputada defende priorização de vacinação para pessoas com Síndrome de Down

Preocupada com a situação das pessoas com Síndrome de Down na Bahia a deputada estadual, Fabiola Mansur (PSB), protocolou uma Indicação na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) para priorizar esse grupo no Plano de Vacinação Contra COVID-19 do Estado. A deputada que é Presidente da Comissão de Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia e Serviço Público da ALBA, destacou a existência de importantes estudos técnicos, oriundos da Escola Paulista de Medicina Universidade Federal de São Paulo, que comprovam risco relativamente alto de pessoas com Síndrome de Down desenvolverem sintomas mais graves, apresentarem maiores taxas de hospitalização, de internação em UTIs e consequentemente maior mortalidade por SARS-CoV-2.

“Com a ausência de articulação federal para tratar da maior crise sanitária mundial, bem como a falta de transparência do Plano Nacional de Imunização, o Estado da Bahia, passou a estabelecer plano próprio de imunização, com base na Lei Federal nº 14.125/2021, que viabilizou a aquisição de vacinas por parte dos estados. O direito à vacina faz parte de “Serviço Público” e nossa comissão também está nessa batalha, junto ao governador Rui Costa”, exalta.

Segundo Fabíola, que além de deputada é médica oftalmologista, o Comitê Técnico Científico da Federação Brasileira das Associações de Síndrome de Down formulou solicitação para a priorização da vacinação contra SARS-COV-2 em pessoas com Síndrome de Down em todo território nacional. “A priorização dos profissionais da educação, que tanto defendemos, já será uma realidade, graças às articulações do Governo da Bahia junto ao consórcio do nordeste, para aquisição de novas vacinas. Minha indicação é para que, através da Secretaria de Saúde, possamos avaliar a possibilidade de se priorizar também a vacinação das pessoas com essa Síndrome”, finaliza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *