Bahia abrirá mil vagas para concursos em 2018. Estado vai abrir vagas para Polícia Civil, PM e Sefaz

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Se em 2017 os concursos federais foram suspensos como medida de ajuste fiscal, neste ano o cenário parece ser mais otimista. Isso porque, segundo o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, os certames voltarão.

Quais? Em nota, o ministério informou que não divulga de forma antecipada para quais órgãos serão destinadas as vagas. Mas os concurseiros baianos não devem perder o ânimo, afinal em âmbito estadual e municipal já dá para se aquecer para as seleções: estão previstas mais de mil oportunidades.

De acordo com a Secretaria da Administração do Estado da Bahia (Saeb), o governo estadual já autorizou alguns certames para este ano. Quem quer fazer carreira na Polícia Civil já pode comemorar: estão previstas mil vagas. Dessas, 880 são para investigador de polícia, 82  para delegado e 38 para escrivão.

A autorização do governador Rui Costa foi divulgada no Diário Oficial do Estado em novembro de 2017. O próximo passo é o recebimento e análise das propostas de empresas organizadoras.

Mais dois órgãos estaduais também devem realizar concurso este ano. A Secretaria da Fazenda (Sefaz) ainda está definindo o perfil da seleção e logo enviará ofícios às organizadoras solicitando propostas. Porém, já foi divulgado o número previsto de vagas.

No total, são 60 para o cargo de auditor fiscal. No mesmo estágio também está o concurso para oficiais da Polícia Militar (PMBA) e  do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA). São 17 vagas, sendo que 11 serão destinadas a oficial médico e o restante a oficial dentista.

No que diz respeito ao município, a Secretaria Municipal de Gestão (Semge) também já está se organizando para abrir concursos este ano. De acordo com o órgão, a pretensão é que haja certames para as áreas de Educação e Defesa Civil. Porém, essa é apenas uma previsão, já que o órgão ainda fará uma avaliação sobre a situação financeira do município.

Por outro lado, a modalidade de Regime Especial de Direito Administrativo (Reda) está confirmada tanto na Operação Chuva, da Codesal, quanto nos serviços voltados para o Carnaval.

Federal

Apesar de o Ministério do Planejamento, responsável por autorizar a realização de concursos para a administração pública federal, não ter divulgado quais concursos estão sob análise, a Polícia Rodoviária Federal, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), e os ministérios do Meio Ambiente e  do Trabalho confirmaram o envio do pedido de abertura de vagas.

O Ibama afirma que encaminhou a solicitação em maio do ano passado. Nela, a previsão é de 1.630 vagas para cargos de nível médio e superior: 750 para analista ambiental, 610 para técnico administrativo e 270 para analista administrativo. O último concurso do órgão para técnico e analista aconteceu em 2012; já para analista administrativo, foi em 2013.

Veja também: