Chef de cozinha e esposa são encontrados mortos em cidade turística da BA; vítimas tinham marcas de tiros

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
LinkedIn

O chef de cozinha espanhol David Pegrina Capó, de 53 anos, e a mulher dele, a brasileira Érica da Silva Santos, de 38, foram encontrados mortos nesta sexta-feira (24), em Porto Seguro, cidade turística da Bahia localizada no extremo sul do estado. A suspeita da Polícia Civil é de que eles tenham sido vítimas de um duplo homicídio.
De acordo com a Polícia Civil, os corpos do homem e da mulher foram encontrados às margens de um rio, com perfurações provocadas por arma de fogo.

A delegacia de Porto Seguro expediu as guias para remoção e perícia. Além disso, vai realizar oitivas e diligências para identificar as circunstâncias, autoria e motivação do crime.
David e Érica eram donos de um restaurante que ficava às margens do Rio Buranhém, na região da Ilha do Pau do Macaco. Não há detalhes de quantos anos o casal estava junto, nem o tempo em que David morava na Bahia.

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Seguro (CDL) e a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) Costa do Descobrimento, emitiram notas de pesar após o falecimento do casal.

Veja também: