Dengue na Bahia: doença desafia sistemas de saúde com mais de 170 cidades em epidemia

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
LinkedIn

Salvador, Feira de Santana e Juazeiro estão entre as 175 cidades baianas que enfrentam uma epidemia de dengue. Em nove delas, 16 mortes já foram registradas.
Até a quinta-feira (14), 14 pessoas tinham morrido por dengue na Bahia. Na sexta (15), a Secretaria de Saúde do estado (Sesab), informou que o número de óbitos pela doença subiu para 16 e que as duas novas mortes aconteceram em Piripá, cidade no sudoeste do estado. O perfil dos pacientes e a data das mortes não foram detalhadas.

Diante desse cenário, os municípios têm reforçado ações para atender o aumento de casos e, consequentemente, a pressão nos sistemas de saúde.

Na capital baiana, por exemplo, a Secretaria Municipal de Saúde se uniu ao Exército para combater o Aedes aegypti, agente transmissor da dengue, e também da zika e chikungunya.

Veja também: