Em evento do Dia do Exército, Lula fará nova investida de reaproximação com militares

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
LinkedIn

Nesta sexta-feira (18), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deve participar do evento em celebração ao Dia do Exército. A presença do presidente foi confirmada pelo Palácio do Planalto nesta quinta-feira (18).

A solenidade será em palanque organizado no Quartel General do Exército em Brasília (DF). No evento, autoridades e instituições civis e militares que tenham prestado relevantes serviços ao Exército serão condecoradas com a “Ordem do Mérito Militar” e a medalha Exército Brasileiro”, como informou o Planalto.

Será mais uma nova tentativa de se reaproximar das Forças Armadas após atritos causados pela reação dos militares aos ataques golpistas do 8 de janeiro. Em outro recente gesto de reaproximação, Lula desautorizou ações do governo para relembrar os 60 anos do golpe militar de 1964.

Apesar de pressionado por sua base de esquerda, o presidente cancelou os eventos públicos de rejeição à ditadura militar para evitar atritos com as Forças Armadas. O presidente afirmou, em fevereiro, que não quer ficar “remoendo o passado” e que está mais preocupado com os atos golpistas de 8 de janeiro.

Veja também: