Prefeito de Iuiu se candidata também à presidência da UPB

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
LinkedIn

O prefeito de Iuiu, no Sertão Produtivo, Sudoeste baiano, Reinalldo Góes (PSD), é mais um a se declarar candidato à presidência da União dos Municípios da Bahia (UPB).  Segundo o gestor, a prioridade é travar “uma luta intensa” pela divisão do bolo tributário que concede a menor parte dos recursos aos municípios, com a União , sobretudo, e os Estados, ficando com a maior parte. Do total, algo em torno de 68% ficam com a União, 24% vão para os estados, e 18% para os municípios.

 

“É preciso travarmos uma luta intensa para que um novo pacto federativo seja aprovado e que possa haver uma justa distribuição dos recursos, tendo em vista que tudo acontece nos municípios, ninguém mora no Estado ou na União, é justamente nos municípios que tudo acontece, que o povo bate na porta do prefeito e dos vereadores em busca de assistência”, disse o prefeito Góes que afirma que Iuiu deu a maior votação proporcional ao governador eleito Jerônimo Rodrigues (85,86%) e ao senador Otto Alencar (90,36%) nas eleições de outubro passado.

 

Em novembro, Reinalldo Góes se reuniu com o secretário estadual de Relações Institucionais, Luiz Caetano, além de outros concorrentes. “Os prefeitos sabem da necessidade do fortalecimento da instituição, que requer independência, autonomia e relações institucionais harmônicas e colaborativas, tanto é que estamos tentando construir uma candidatura de consenso que possa representar os anseios e necessidades dos municípios baianos”, acrescentou.

 

Outros prefeitos também já se posicionaram como candidatos à presidência da UPB, caso do prefeito de Miguel Calmon, Cacá (PT); de Itapicuru, José Moreira (PSD); de Amargosa, Júlio Pinheiro (PT); de Santana, Marcão Cardoso (PP); de Cocos, Marcelo (PL); e de Castro Alves, Thiancle Araújo (PSD).

Veja também: