Sergio Gabrielli acusa Guido Mantega por substituição de Cerveró na diretoria internacional

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
LinkedIn

Durante depoimento realizado na noite desta quarta-feira (05) ao Juiz Sergio Moro, o ex-presidente da Petrobrás, José Sergio Gabrielli respondeu que só fez parte do processo da Lava Jato a partir de 2014. Em outra pergunta de Moro, Gabrielli acusou o ex-ministro Guido Mantega por ter solicitado a substituição do antigo diretor internacional da Petrobrás por Nestor Cerveró, alvo direto do escândalo da Lava Jato. Gabrielli disse que era membro do conselho mas a ordem tinha partido de Guido, presidente do conselho naquela oportunidade.

 

Veja também: